sexta-feira, 1 de março de 2019

Marcelino Vieira: Mesmo a gestão aceitando a maioria dos pontos acordados, professores entram em greve.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, em pé e área interna
Imagem: Facebook professor Gustavo

Os profissionais de educação do Município de Marcelino Vieira anunciaram greve na tarde de ontem, dia 28 de fevereiro de 2019 por tempo indeterminado, de acordo com o sindicato, o motivo principal é o não cumprimento de uma lei municipal número 255/2014, segundo os professores, a atual gestão aumentou a jornada de trabalho dos professores.

Em resposta a gestão Babau explicou que não houve aumento de carga horaria e sim uma regularização para que os servidores cumpram sua jornada de trabalho dentro da lei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade, sem direcionar o seu comentário a nenhum membro ou pessoa particular. lembre-se que seu comentário ficará visível e poderá ou não ser respondido por qualquer pessoa.