sábado, 23 de fevereiro de 2019

Bebianno escreve cartas a conhecidos: ‘Se algo acontecer comigo, abram’


Não sou Marielle



Bebianno (Cristiano Mariz/VEJA)


A paz está selada, mas Gustavo Bebianno é um homem prevenido. Com medo das ameaças que recebeu, ele escreveu cartas para duas pessoas com os nomes de quem estaria interessado em lhe causar algum mal. “Se algo acontecer comigo, abram”.

(ATUALIZAÇÃO: O ex-ministro entrou em contato com a coluna para negar o conteúdo da nota. O Radar mantém a informação).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade, sem direcionar o seu comentário a nenhum membro ou pessoa particular. lembre-se que seu comentário ficará visível e poderá ou não ser respondido por qualquer pessoa.