quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Secretário-executivo assume interinamente o Ministério do Esporte enquanto Dilma não decide quem substituirá Silva em definitivo

O Palácio do Planalto confirmou a saída de Orlando Silva do Ministério do Esporte e informou que o nome do substituto ainda não foi definido. De acordo com o Palácio, a exoneração foi a pedido de Orlando Silva e já está publicada no Diário Oficial da União com isso, automaticamente, o secretário executivo da pasta, Waldemar Manoel Silva de Souza, assumirá a função de forma interina.
O ministro Orlando Silva informou seu pedido de demissão ontem (26) após reunião com a presidenta Dilma Rousseff. Ele justificou seu afastamento dizendo que quer se defender das acusações sem gerar problemas para o governo.
Após o pedido de demissão do ministro do Esporte, Orlando Silva, o PCdoB divulgou uma nota se dizendo “de cabeça erguida” e participante do governo de Dilma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidade, sem direcionar o seu comentário a nenhum membro ou pessoa particular. lembre-se que seu comentário ficará visível e poderá ou não ser respondido por qualquer pessoa.